Linux

Falta de som no Morse Runner em Linux?

Morse Runner é uma excelente aplicação freeware para o treino de escuta/descodificação de telegrafia/CW. É da autoria do colega radioamador Alex Shovkoplyas (VE3NEA) e está disponível para download em http://www.dxatlas.com/MorseRunner/.

Esta aplicação foi desenvolvida para “Uindouze”… No entanto, é possível executá-la em Linux, recorrendo ao emulador Wine (WineHQ). Ainda assim, quem quiser, poderá portar o código fonte desta aplicação para Linux, já que o mesmo está disponível no GitHub.

Lançar o Morse Runner em Linux, com recurso ao Wine, pode levantar um problema (foi o que me aconteceu e não fui o único): o Morse Runner não tem ou fica sem som… Acontece que o som do Wine é “pescado” no pulseaudio que costuma ser a opção de “default” do Wine, quando este é instalado.

O objectivo deste artigo é alterar a confuração do Wine, para que em vez de usar o pulseaudio, passe a usar o Alsa. Para tal, comece por abrir uma janela do Terminal e execute o comando winetricks.

$ winetricks

Em seguida, siga os passos, tal como aparecem nas imagens abaixo:

Depois de clicar em OK na janela ilustrada na imagem acima, sair do winetricks, lançar o Morse Runner e começar a treinar! 🙂

Antes de fechar este artigo, fica a referência de que o conteúdo deste artigo foi baseado no Linux Debian 10 (buster) com o wine-4.0 (Debian 4.0-2) e o Morse Runner 1.67.

73 de CT7AFR.

Touchpad tapping, em Debian Buster (10)

HP Folio 9470m

O portátil é um velhinho HP EliteBook Folio 9470m, recondicionado mas 100% operacional e eficiente. Um dia, ao substituir a versão 9 do Debian pela versão 10, o touchpad deixou de reconhecer os cliques através de tapping (ou double-tapping). Uma busca na Internet, rapidamente retornou a informação necessária para reactivar esta útil funcionalidade.

Curiosamente, descobri na ‘net, muitos relatos que afirmam que o driver libinput funciona melhor que o da Synaptics. Não me dei ao trabalho de fazer um benchmark para confirmar; tinha alguma urgência em repor o touchpad a funcionar como deve ser, para quando não me dá jeito usar um rato externo (e.g. durante viagens).

Assez parlé! Ao trabalho!

Primeiro, deve-se assegurar que o driver da Synaptics (xserver-xorg-input-synaptics) já não se encontra no sistema. Para o remover (através do Terminal):

$ apt remove xserver-xorg-input-synaptics

Instalar (se já não está instalado) o driver libinput:

$ apt install xserver-xorg-input-libput

Criar o directório xorg.conf.d em /etc/X11

$ mkdir /etc/X11/xorg.conf.d

Criar o ficheiro 40-libinput.conf no directório recém criado:

$ nano /etc/X11/xorg.conf.d/40-libinput.conf

Neste ficheiro, inserir o seguinte script:

Section “InputClass”
Identifier “libinput touchpad catchall”
MatchIsTouchpad “on”
MatchDevicePath “/dev/input/event*”
Driver “libinput”
Option “Tapping” “on”
EndSection

CTRL+X e Yes para gravar e sair do editor de texto

O último passo: Reiniciar o Display Manager (no meu caso, o lightdm):

$ systemctl restart lightdm

Et voilà!